Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Professora é selecionada pelo MEC para curso de gestão da inovação

Rede Federal

Professora é selecionada pelo MEC para curso de gestão da inovação

Capacitação será realizada em Brasília e na Alemanha.
por Laura Silveira publicado: 05/02/2018 11h04 última modificação: 05/02/2018 11h58

Olha que notícia boa para o início deste ano no IFMS (Instituto Federal de Mato Grosso do Sul): a docente de Administração do Campus Jardim, Ivilaine Delguingaro, é uma das selecionadas para a capacitação em Gestão da Inovação, ofertada pela Setec/MEC (Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica).

O curso visa à promoção da inovação a partir da produção de resultados tangíveis para a Rede Federal, com base na transferência de conhecimentos de gestão da inovação aos participantes.

Mais de 120 professores da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica de todo o Brasil participaram da Chamada Pública nº 01/2017, da Setec, para 41 vagas ofertadas. A seleção contou com análise de currículo e do pré-projeto, e como segunda etapa a defesa do pré-projeto. O resultado final foi divulgado no dia 25 de janeiro.

O projeto da docente do IFMS está ligado à área de incubadoras tecnológicas.

“Eu me interessei porque o tema está bem alinhado à minha área de formação e de pesquisa. A partir da capacitação, pretendo criar um modelo de implantação e gestão de incubadoras para instituições de toda a Rede Federal, reunindo as melhores práticas dos campi do IFMS e de outros Institutos Federais, com contribuições de gestores das incubadoras das instituições”, explicou Ivilaine, que é gestora da TecnoIF do Campus Jardim desde sua implantação, em abril de 2017.

"A partir da capacitação, pretendo criar um modelo de implantação e gestão de incubadoras para a Rede Federal, reunindo as melhores práticas dos do IFMS e de outros Institutos Federais, com contribuições de gestores das incubadoras das instituições”, explicou Ivilaine, gestora da Incubadora TecnoIF do Campus Jardim desde sua implantação, em abril de 2017.

Além de trazer melhorias para as incubadoras da Rede, ela aponta que o curso beneficiará sua atuação enquanto docente.

Acredito que o curso vai me favorecer no sentido de ter olhares diferentes para as mesmas coisas. Espero poder contribuir cada vez mais com a integração da educação profissional. Que nossos estudantes se formem como técnicos, por exemplo, mas que consigam inovar dentro da profissão, criando possibilidades de desenvolvimento da economia local por meio de empreendimentos inovadores".

Capacitação - Com previsão de início no próximo dia 26, o curso terá duração de aproximadamente um ano, com 11 encontros presenciais em Brasília, além de uma imersão de 80 horas - em torno de duas semanas - na Alemanha.

A professora explica que em 2018 o curso é voltado para o conhecimento teórico, o que depois será vivenciado na prática no ano seguinte.

“Ao longo de 2019, o projeto vai ser implantado, será a etapa de transferência do conhecimento para Rede Federal. As práticas serão testadas na TecnoIF e as mais eficazes serão incluídas no modelo que pretendo desenvolver", finalizou.

A capacitação será oferecida no mesmo modelo do curso Innovation Management Professional (IMP) da Steinbeis University Berlin - School of International Business and Entrepreneurship (Steinbeis-Sibe do Brasil), instituição alemã, numa parceria da Setec com o Instituto Federal do Espírito Santo (Ifes).

registrado em: , ,
Assunto(s): Professor, Capacitação